Fone: (21) 2042-2955 -  redacao@jornaldabarra.com.br

Pin It

O médico Denis César Barros Furtado, apelidado de Dr. Bumbum, que operou a bancária Liliam Calisto, de 46 anos, no último sábado (14/07) continua foragido as justiça. Ele e sua mãe, Maria de Fátima Barros Furtado, 66, foram indiciados por homicídio doloso.
Liliam morreu cinco horas após ser operada no apartamento de Denis, na Barra da Tijuca. O Portal de Procurados oferece a quantia de R$ 1 mil para quem tiver informações que ajudem aprender o médico.