0
0
0
s2smodern

O ano começou com sinais de otimismo para a Polícia Militar do Rio de Janeiro, que conseguiu sua segunda vitória no Tribunal de Contas do Estado para recompor a frota de viaturas da Corporação. Na última semana de 2017, dia 27, o TCE (Tribunal de Contas do Estado) aprovou o edital de licitação no valor de R$ 64.3 milhões para compra de novos veículos.

No dia 21 de novembro, o TCE havia autorizado a liberação de R$ 93 milhões para serem aplicados nos próximos 12 meses na manutenção e recuperação da frota através de convênio com oficinas previamente credenciadas.

Com a decisão do plenário do TCE, a Corporação está autorizada a abrir neste mês de janeiro, o processo licitatório para compra de 580 veículos tipo Sedan, sendo 530 adaptados para rádios-patrulhas e 50 para serviço reservado e administrativo. O edital aprovado prevê ainda autorização para compra de 170 veículos utilitários.

A aprovação dos dois editais permitirá que a Polícia Militar amplie neste ano de 2018 o policiamento preventivo, que, segundo a PMERJ, nos últimos meses ficou comprometido com o excesso de viaturas paradas por problemas mecânicos e pela falta de verba para renovar a frota. No dia 15 de dezembro, as oficinas credenciadas começaram a receber as primeiras viaturas para reforma.

Comunidade

CDD é o segundo local com mais tiroteio no Rio

A Região Metropolitana do Rio registrou 5 mil tiroteios em 2018, uma média de 25 casos por dia. As regiões mais afetadas foram a Praça Seca, com 211 registros, Cidade de Deus com 167, Vila Kennedy com 151, Complexo do Alemão com 118 e Rocinha com 111. Os dados são da plataforma de mapeamento Fogo Cruzado.