Fone: (21) 2042-2955 -  redacao@jornaldabarra.com.br

Pin It

O Hilton Barra conquistou a recertificação de sustentabilidade da norma ABNT NBR 15401:2014 - Sistema de Gestão da Sustentabilidade para Meios de Hospedagem

1 - Qual é a importância desta recertificação para o Hilton Barra e, sobretudo, para a Barra da Tijuca?

Essa certificação possui uma grande importância para nós. Além do enorme benefício para o meio ambiente, para a economia da região e para as pessoas que são impactadas por nossa atuação, essa certificação nos mostra que estamos trabalhando na direção correta e que estamos trabalhando de forma sustentável, gerenciando os fatores sociais, ambientais e garantindo a viabilidade econômica do nosso negócio. Além disso, estamos alinhados com a estratégia global da Hilton que, através do Programa Viaje com um Propósito, “Travel with Purpose”, estabeleceu metas desafiadoras de duplicar o investimento global da companhia em impactos sociais positivos e cortar pela metade nosso impacto ambiental até 2030 através da Hospitalidade Responsável, que é uma marca da Hilton.

Acredito que para a Barra da Tijuca essa certificação é de uma enorme importância para que outras empresas da região vejam que é possível atuar de forma sustentável. Não somente na parte ambiental, mas também no aspecto social e econômico. Quanto mais empresas seguirem por esse caminho, mais chances temos de garantir um futuro melhor para as próximas gerações, além de desenvolver de forma sustentável a região, gerando mais negócios, atraindo mais empresas e também turistas. Ou seja, é um benefício para a região e para a cidade do Rio de Janeiro.

2 - Como o Hotel atua em prol do meio ambiente?

O Hotel foi pensado, desde o seu planejamento, para ser eficiente e mais sustentável.

O Hilton Barra foi o primeiro hotel de luxo no Rio de Janeiro a receber o selo da ENCE e a LEED, a mais significativa certificação internacional de prédios verdes, que apresenta ações sustentáveis, como redução de resíduos, menor impacto ambiental e potencial de poupança. Um dos destaques é o uso do calor do ar condicionado para o pré-aquecimento da água dos chuveiros e a reutilização da água da chuva nos banheiros dos membros da equipe.

Temos um sistema de irrigação que minimiza o uso de água além da seleção de espécies primariamente nativas para áreas externas, que exigem baixo consumo de água e baixa manutenção. Há uma área externa com piso permeável, onde parte da água pode ser absorvida pelo solo após uma chuva intensa.

Em relação a novas tecnologias e soluções inovadoras, o hotel foi projetado para consumir 40% menos água e 50% menos energia do que um edifício comum e de mesma proporção. Esses sistemas são de extrema importância para atingir nossas metas de sustentabilidade, pois através deles podemos medir o consumo, detectar possíveis perdas e perdas e também definir metas de redução de consumo de energia e água.

3 - Por ser rica em natureza, você acredita que a Barra da Tijuca contribuiu consideravelmente para a obtenção deste prêmio?

A diversidade da natureza da Barra da Tijuca nos auxilia atuando como um lembrete, sempre mantendo viva a preocupação de atuar de forma a preservar esse espaço rico em biodiversidade. Estamos bem próximos da Lagoa de Jacarepaguá, por exemplo, que é um ecossistema lar de diversas espécies de fauna e flora. Além disso, também é um lindo cartão postal da região. Nossos hóspedes e clientes ficam encantados quando apreciam a vista da lagoa no nosso Rooftop durante o pôr do sol ou enquanto aproveitam nossa piscina na cobertura. Entendemos que é nossa obrigação atuar de forma positiva e ajudar a preservar este e os demais espaços da nossa comunidade. E a certificação reforça que estamos trabalhando no caminho certo.