Fone: (21) 2042-2955 -  redacao@jornaldabarra.com.br

Pin It

Por Ive Ribeiro

Carnaval é sinônimo de diversão para adultos e criança, período para as famílias aproveitarem folia, curtindo os bailes e blocos com tranquilidade. Para que isso aconteça, pais e familiares devem, no entanto, estar atentos e tomar alguns cuidados para garantir que tudo fique bem neste período. Perda da criança no meio da multidão e problemas de saúde são alguns transtornos que podem ocorrer, principalmente em lugares com grande agitação.

Helder Souza, coordenador do serviço de pediatria do Hospital Municipal Rocha Faria (HMRF), faz um importante alerta para as crianças que gostam de brincar o Carnaval e não param um minuto, nem na hora da alimentação:

- Nesse momento, a criança precisa estar parada para mastigar e não engasgar – ressalta. O adulto que estiver acompanhando a criança precisa estar atento a este fato, pois o engasgo pode apresentar risco de vida e provocar asfixia e sufocamento.

A hidratação e a proteção solar são outros fatores essenciais para garantir tranquilidade no carnaval infantil. Helder alerta que as crianças têm a pele mais sensível e, por isso, é preciso sempre oferecer água e alimentos leves. O protetor solar deve ser retocado a cada duas horas.

– Já recebemos na emergência pediátrica do HMRF crianças desidratadas que precisaram ficar internadas no CTI. Desidratação e insolação são coisas sérias e os riscos são grandes - alertou.

Ainda segundo o pediatra, roupas e fantasias confortáveis e leves também fazem parte do pacote de cuidados com a criançada na folia.

- O calor nessa época do ano é grande. Além das roupas, os sapatos também precisam ser confortáveis para que eles fiquem à vontade, evitando que os pais não tenham transtornos durante e pós-folia - acrescentou.

Finalizando as dicas, o coordenador ressalta que o primeiro cuidado a ser tomado antes de levar crianças para lugares com aglomerações é a identificação.

- O responsável pode identificar com uma pulseira que não rasgue e não molhe. Nela, deve conter os dados necessários para que o pequeno e seus responsáveis sejam facilmente identificados.

Últimas notícias