Fone: (21) 2042-2955 -  redacao@jornaldabarra.com.br

Pin It

Por: Willian Cobian

Joaquin Phoenix vem recebendo grandes elogios da crítica pela sua atuação no filme “Coringa”, onde ele interpreta Arthur Fleck, um comediante de stand-up fracassado que é levado a loucura em uma Gotham City Caótica. Para todos os amantes de cinema que gostaram da sua performance, o JORNAL BARRA resolveu relembrar três filmes em que o ator recebeu indicações ao Oscar.

Gladiador (2000) - Nesse épico, ambientado em 180 d.c , um imperador desperta a fúria de seu filho Commodus (Joaquin Phoenix), ao tornar pública sua predileção em deixar o trono para Maximus (Russell Crowe) que Comanda o exército romano. Nessa performance o ator faz o herdeiro preterido, um daqueles vilões que amamos odiar, cruel e ao mesmo tempo covarde. Esse filme foi indicado 12 vezes ao Oscar, incluindo uma delas para Phoenix como melhor ator coadjuvante, a primeira nomeação ao Oscar de sua carreira.

Johnny e June (2005) – Esse filme relata a vida do cantor Johnny Cash (Joaquin Phoenix) mostrando sua personalidade complicada e sua infância tumultuada, no entanto o longa tem como foco principal a relação de Johnny com a cantora June Carter (Reese Whiterspoon). Nesse filme Phoenix sofre uma incrível transformação para o papel do músico, sua interpretação, que foi amplamente elogiada garantindo-lhe a sua segunda indicação ao Oscar da carreira.  

O Mestre (2012)  -  No contexto do pós Segunda Guerra Mundial , o marinheiro Freddie Quell (Joaquin Phoenix) , um veterano de guerra que busca a reconstrução da sua vida, conhece Lancaster Dodd ( Phillip Seymour Hoffman), o líder de uma organização religiosa denominada “A Causa” , onde Freddie acaba se envolvendo com as ideias dessa seita  e se tornando cada vez mais dependente desta organização. No longa, Phoenix dá um show interpretando um homem repleto de raiva e problemas psicológicos, acumulando mais uma indicação ao Oscar como melhor ator.

Portanto, visto que o histórico profissional de Phoenix é marcado por sucessos e grande entrega pessoal, a expectativa por uma excelente atuação no novo filme é a melhor possível, uma vez que grande parte da imprensa tem avaliado positivamente, não só o filme, como um todo, mas também sua performance. Coringa estreia dia 3 de outubro em todos os cinemas do Brasil, com classificação de 16 anos.