Fone: (21) 2042-2955 -  redacao@jornaldabarra.com.br

Pin It

Atraso na fala, dificuldade de comunicação, falta de interação social e de contato visual são características comuns do transtorno do espectro do autismo perceptíveis já nos primeiros anos de vida. Estima-se que 70 milhões de pessoas no mundo tenham autismo, sendo 2 milhões delas no Brasil. Para atender essas crianças com distúrbios sensoriais e seus familiares, foi criado no Rio de Janeiro o projeto Sessão Azul, que tem o objetivo de ambientar as crianças em eventos adaptados para elas.

“Os eventos que realizamos (cinema, AquaRio e teatro) ajudam na socialização tanto das crianças quanto de suas famílias. É comum vermos em nossas sessões crianças interagindo umas com as outras durante as sessões, fazendo com que elas funcionem como uma atividade extra ao trabalho terapêutico”, explica Carolina Salviano, psicóloga especialista em Autismo e uma das fundadoras do projeto.

Bruna Manta, também psicóloga especialista em autismo e uma das fundadoras do projeto, acrescenta que é possível observar também muita troca de informações sobre tratamentos e experiências do dia a dia entre as famílias durante as sessões. “Acreditamos que estes momentos de diversão e descontração, associado a maior interação com outras famílias que passam pelas mesmas questões, tende a gerar um maior engajamento de todos no processo do tratamento”, destaca.

Neste sábado (29), o Sessão Azul levará as crianças ao cinema do Américas Shopping, para assistir Toy Story 4, que acabou de estrear nos cinemas. Durante toda a exibição, o cinema fica com som mais baixo, luz levemente acesa e toda a plateia poderá andar, falar, e cantar à vontade. As sessões contam ainda com apoio de profissionais voluntários. A Sessão Azul acontece ao longo do ano em cinemas de várias cidades com apoio de ONGs, clínicas especializadas e associações de pais ligadas ao autismo.

Os ingressos podem ser adquiridos no site do projeto Sessão Azul (www.sessaoazul.com.br), onde toda a família paga meia entrada. A venda de ingressos começa sempre na semana da data da exibição.