A penalidade se refere a irregularidades nas obras do BRT Transcarioca, no trecho entre o Aeroporto do Galeão e a Penha

A Controladoria Geral do Município do Rio de Janeiro impôs multa de R$ 60 milhões à construtora OAS. A penalidade se refere a irregularidades nas obras do BRT Transcarioca, no trecho entre o Aeroporto do Galeão e a Penha.

O prazo para o pagamento é de 30 dias. A OAS também terá que dar conhecimento público da decisão.

O prefeito Marcelo Crivella disse que foi garantido o espaço para o contraditório e ampla defesa por parte da OAS, em um processo que durou seis meses. Segundo ele, a investigação iniciou com as delações premiadas homologadas pelo juiz federal Marcelo Brettas, em esquemas de desvio de verba envolvendo o ex-governador Sergio Cabral.

Compartilhe

Mais Lidos