Jovens do Percussão da Maré participam de campanha por respeito às regras de trânsito

A Lamsa deu o seu grito de carnaval nesta sexta-feira. Quem passou pela praça de pedágio da Linha Amarela assistiu a uma apresentação de uma hora dos jovens do projeto Percussão da Maré. O grupo tocou das 15h30 às 16h30 junto às cabines da praça de pedágio, devidamente enfeitadas para o período de folia com adereços e mensagens educativas de trânsito.

A apresentação foi um “esquenta” para os cariocas entrarem no espírito do reinado de Momo. Formado por jovens, o grupo tocou samba — com direito a paradinhas — sob o comando de Abel Duere, coordenador do projeto. No Percussão da Maré, os músicos têm aulas gratuitas de teoria e leitura musical no curso, que conta com patrocínio da Lamsa e apoio do Instituto Invepar.

“Apresentações como essa mostram como é importante apoiarmos projetos sociais incentivando a arte, além de desestressar os motoristas no trânsito pesado que é o do Rio de Janeiro. O interesse foi muito grande, a ponto de vários usuários terem filmado e divulgado a exibição deles nas redes sociais”, explicou o superintendente da Lamsa, Marcus Rosa.

O “palco” onde os jovens músicos se exibiram apresentava também mensagens alertando para perigos como dirigir alcoolizado e em alta velocidade. O objetivo foi sensibilizar os condutores quanto à importância do respeito às regras de trânsito.  

 

Compartilhe