Saída respeita prazo eleitoral que exige que pré-candidatos deixem cargos públicos antes de 4 de abril

Por Ive Ribeiro

Sancler Mello não é mais o superintendente da Barra. Após ser nomeado para o cargo em setembro de 2019, o mandatário deixou o cargo, no dia 3 de abril, pois planeja uma candidatura para ser vereador da cidade nas eleições 2020 (que ainda não estão confirmadas por conta da epidemia do novo coronavírus). Acontece que o prazo para servidores públicos que desejam se candidatar a algum cargo público deixarem os seus postos terminou no dia 4 de abril.

- Com o trabalho que realizei na superintendência da Barra criou-se uma expectativa muito favorável aos moradores da nossa região, porque a gente conseguiu melhorar a autoestima e o trabalho da superintendência , conseguimos atender centenas de demanda e realmente mudar o quadro que era de desanimo na nossa região em relação ao poder público e isso fez com que as pessoas me vissem como um representante dessa região – disse Sancler, que alertou para a carência da Barra na câmara municipal com a saída de Carlo Caiado, que foi para a câmara dos deputados.

O agora ex-superintendente da Barra acredita que sua pré- -candidatura para vereador seja um anseio da sociedade:

- Minha saída mostra em mim uma vontade muito grande de vencer esse pleito, caso eu seja mesmo candidato, porque as maiores dificuldades que tivemos na superintendência foram as faltas de leis ou leis que eram obsoletas e que não representavam a sociedade e a gente se sente capaz e criar leis que representem eles com dignidade.

Compartilhe