Beto Guedes, Marcus Viana, Sagrado Coração da Terra e 14 Bis resgatam clássicos do Clube da Esquina e celebram décadas de estrada

Por: Marcelo Perillier

Três shows em uma apresentação. Se revezando no palco, os mineiros Beto Guedes, Marcus Viana & Sagrado Coração da Terra e 14 Bis animaram o sábado à noite (15) do Km de Vantagens Hall. Com uma proposta inovadora, os espetáculos tiveram um setor para o público ficar em pé, na parte dos fundos, algo bastante incomum na casa, já que nesta área ficam mesas.

Abrindo a noite, Beto Guedes e os clássicos que marcaram sua carreira no Clube da Esquina, vertente musical criada por Milton Nascimento e Lô Borges. No repertório, Espelhos d’ Água; Quando te vi; Maria Solidária; Lumiar; Amor de Índio; Feira Moderna; e Paisagem na Janela. Em Sol de Primavera, uma participação especial de Marcus Viana. Já Sal da Terra, Cláudio Venturini subiu ao palco para dar um toque de rock na música. “é uma honra cantar com o meu professor”, disse Cláudio. “Obrigado meu aluno”, retribuiu Beto.

Na sequência, Marcus Viana e Sagrado Coração da Terra deram um gás na noite com seu rock psicodélico, que há 40 anos encanta multidões. “O primeiro lugar que acolheu o Sagrado foi o Rio”, disse Marcus ao abrir o show, que resgatou músicas do Sagrado, como Asas e Sagrado e trilhas sonoras de novela: Sob o Sol e A Miragem, de “O Clone”; e Raio e Trovão e Pantanal, de “Pantanal”.

Para finalizar com chave de ouro, o pop-rock do 14 Bis, que celebra 40 anos de estrada este ano. Velha canção rock in roll; Caçador de Mim; Canção da América; Espanhola; Todo Azul do Mar; Mesmo de Brincadeira, com participação especial de Marcus Viana; Nova Manhã; Natural; Planeta Sonho; e Linda Juventude.

Agora a casa dará uma pausa nos shows, mas volta com força total em março: Fernandinho dia 14 - gravação de DVD; Dire Straits Legacy dia 20; Jorge & Mateus dia 21; Mc Fly dia 22; Cidade Negra e Ponto de Equilíbrio, dia 27.

Compartilhe