Fone: (21) 2042-2955 -  redacao@jornaldabarra.com.br

Pin It

Mais conhecido como Doutor Bumbum, o médico Dênis Cesar Barros Furtado foi solto pela Justiça do Rio, na noite desta terça-feira (29). Preso desde julho do ano passado, Dr. Bumbum foi acusado da morte da bancária Lilian Calixto, após procedimento estético.

Por unanimidade, os desembargadores da 7ª Vara Criminal do Rio aceitaram o pedido de habeas corpus feito pela defesa de Dênis, que afirmou que Lilian foi vítima de um "enfarte miocárdico agudo", não tendo relação à aplicação de PMMA.

A prisão de Dr. Bumbum foi substituída por medidas cautelares, como ficar em casa à noite e nos dias de folga, além de estar proibido em deixar o Rio. Não se sabe ainda quando o médico deixará o presídio.

Relembre o caso: Dr. Bumbum é preso em centro empresarial na Barra.