Fone: (21) 2042-2955 -  redacao@jornaldabarra.com.br

Pin It

por Ive Ribeiro

O que começou como um movimento nas redes sociais foi parar nas ruas. Cerca de 500 do Flamengo se concentraram em frente ao Hotel Hilton Barra, local em que a delegação time argentino do Independiente está hospedados e fizeram de tudo para atrapalhar o sono dos jogadores. Fogos, gritos, sinalizadores e tumultos deram o tom da noite.

A ideia surgiu após muitos torcedores rubro-negros reclamarem do tratamento recebido na Argentina, no jogo de ida entre Flamengo e a equipe argentina. Então, começou uma verdadeira mobilização para que os torcedores e jogadores “rojos” passassem pelos mesmos problemas que os brasileiros uma semana antes.

Os foguetórios começaram por volta de 23h. O momento mais crítico aconteceu após o desentendimento entre flamenguistas e torcedores argentinos que também estavam no hotel. Rojões e bombas foram lançados na entrada do edifício e um confronto envolveu as duas torcidas e seguranças. A PM também foi acionada para tentar conter os rubro-negros mais exaltados

A cantora e atriz Mariana Rios, que estava hospedada no Hilton Barra, em suas redes sociais postou vídeos reclamando do barulho. “Como dormir?” perguntou em uma das gravações. Moradores vizinhos ao hotel também relataram dificuldade para dormir com a barulhada.