Fone: (21) 2042-2955 -  redacao@jornaldabarra.com.br

Pin It

Por: Marcelo Perillier

Finalmente a Barra da Tijuca entra no radar do Segurança Presente. Em cerimônia realizada na Praça Duó, com a presença de autoridades das esferas estadual e municipal e de presidentes de associações de bairro, o programa foi efetivado na região.

Um dos mentores do Segurança Presente no bairro, o deputado Carlo Caiado (DEM) confirmou que a Barra terá 85 policiais a mais nas ruas e onde o programa não estiver atuando, a Polícia Militar vai poder trabalhar de forma mais efetiva. Ele também ressaltou que em todos os locais nos quais o Segurança Presente desembarcou, os índices de roubos e furtos diminuíram: “sem dúvida alguma, quem conhece o projeto sabe que ele zerou todas as infrações. Aqui não será diferente, além de trazer muita tranquilidade para os moradores”.

Por conta disso, e aproveitando a presença do governador Wilson Witzel na cerimônia, ele entregou um abaixo-assinado de 4 mil assinaturas solicitando a ampliação do programa para o Recreio. Witzel, não só atendeu o pedido, como também estabeleceu prazo para o início: “está deferido o Segurança Presente no Recreio. Em 15 dias, o programa estará instalado na região”.

Presidente da Associação de Moradores do Recreio dos Bandeirantes, Simone Kopezynski, celebrou o anúncio e cobrará o programa no prazo determinado pelo governador: “estamos muito contentes com a vinda do Recreio Presente porque ele vai aumentar o efetivo nas ruas e o Recreio é um dos bairros que mais cresce no Rio. E promessa é dívida, em 15 dias o programa estará funcionando”.

Witzel exaltou o Segurança Presente como um programa que emprega pessoas e da oportunidade para que oficiais deem continuidade à sua vocação, que é prestar serviço à nação brasileira e ao povo do Rio. Tanto que jovens egressos das Forças Armadas serão aproveitados no projeto.

Figura expoente na região, a deputada federal Laura Carneiro (DEM), relatora do decreto da Intervenção Federal no Rio, em 2018, disse que o programa é muito importante para a região, pois ele melhora a segurança para o cidadão, por coibir os pequenos furtos e as pequenas infrações.

O delegado Antônio Ricardo, titular da Delegacia de Homicídios da Capital, comentou que o policiamento ostensivo é sempre importante para a segurança pública e, com mais policiais na região, será mais difícil os bandidos cometerem crimes na Barra e no Recreio.

Além dessas autoridades, a cerimônia contou com a participação do Superintendente da Barra, Recreio e Vargens, Sancler Mello; do presidente da Câmara Comunitária da Barra, Delair Dumbrosck; do presidente da Associação Comercial da Barra, senador Ney Suassuna; do diretor da Associação Comercial e Industrial da Barrinha, Rogerio Aquim; do presidente da OAB-Barra, Marcus Antonio Silva Soares; do presidente da Associação de Imprensa da Barra, Manuel Lopes; e alguns presidentes de Associações de Moradores, como Selma Cipriano (ABM), Luiz Igrejas (Amar), Cleo Pagliosa (AMARosas) e Maria Lúcia Mascarenhas (AMA-IL).