Fone: (21) 2042-2955 -  redacao@jornaldabarra.com.br

Pin It

Por: Marcelo Perillier 

O maior polo estudantil do Rio de Janeiro é na Barra! Com escolas e universidades de ponta, o bairro oferece uma diversidade de estudo para crianças e adolescentes, desde a educação infantil até o ensino superior.

Univerisdades:

Universidade Estácio de Sá

Com quase cinco décadas e mais de 500 mil alunos, a Estácio é um dos maiores e mais respeitados grupos do setor educacional do Brasil. No ensino presencial, atua em 23 estados e no Distrito Federal, totalizando cerca de 90 Unidades. Já no Ensino a Distância, estamos em todo o Brasil por meio de nossos mais de 600 polos de EaD.

IBMR

O IBMR foi fundado em 1974, com as unidades Catete e Botafogo, com o objetivo principal de difundir educação e cultura em todo território nacional. Em 2010, o IBMR passou a fazer parte da Rede Internacional de Universidades Laureate, inaugurou um novo campus na Barra da Tijuca, lançou cursos com chancelas internacionais e passou a oferecer curso de inglês pelo sistema de ensino Cambridge Press.

IBMEC

Em 1970, a instituição foi fundada no Rio de Janeiro como Instituto Brasileiro de Mercado de Capitais (IBMEC). Em 1987, inicia suas atividades em São Paulo. Em 1991 vai para Minas Gerais, com cursos de MBA. Quatro anos depois lança as Faculdades IBMEC, com cursos de Administração e Economia. Em 1999, o ensino superior se separa do instituto. Em 2008 inaugura sede em Brasília, para no ano seguinte iniciar carreiras online e certificado internacional para MBA. Em 2015, vira membro da EFMD - European Federal Management Development.

FGV

A Fundação Getulio Vargas surgiu em 20 de dezembro de 1944. Seu objetivo inicial era preparar pessoal qualificado para a administração pública e privada do país. Na época, o Brasil já começava a lançar as bases para o crescimento que se confirmaria nas décadas seguintes. Expandir seu foco de atuação, avançou pelas áreas da pesquisa e da informação, até converter-se em sinônimo de centro de qualidade e de excelência.

UVA

A instituição educacional Veiga de Almeida teve origem em 1933, a partir de uma classe de alfabetização localizada no modesto bairro de Santo Cristo, na cidade do no Rio de Janeiro Desde então, os valores fundamentais da educação e as diretrizes presentes na Veiga de Almeida permearam a criação de suas faculdades e nortearam suas ações. Em 2011, a Universidade Veiga de Almeida passou a integrar a Rede Ilumno.

Unigranrio

Com 10 unidades estrategicamente posicionadas no estado do Rio de Janeiro, mais uma em Palhoça (Santa Catarina) e diversos polos EAD (ensino a distância) espalhados pelo país, a Unigranrio oferta mais de 40 cursos de graduação nas modalidades presencial, semipresencial e a distância.

Senai/ Cetiq

Em março de 1949 foi inaugurada a Escola Técnica da Indústria Química e Têxtil (ETIQT), com corpo docente especializado em escolas têxteis americanas e inglesas e equipamentos de última geração. Em janeiro de 1980 transformou-se em Centro de Tecnologia da Indústria Química (CETIQT), para em 1997 lançar o ensino de nível superior, quebrando uma tradição de formar técnicos têxteis de 2º grau. Em 2001 foi lançado o Curso Superior de Design de Moda, e passou a oferecer também os cursos de Bacharelado em Artes – Habilitação Figurino e Indumentária, Curso Superior de Tecnologia em Produção de Vestuário (Tecnólogo em Modelagem), Engenharia de Produção e Engenharia Química, além de cursos de pós-graduação presencial e à distância, cursos de extensão presencial e à distância, além dos cursos técnicos, qualificação e aperfeiçoamento profissional.

Colégios:

Tradição que vem desde os idos de 1980, a Barra possui um ensino de qualidade para seus moradores jovens. Dentro de alguns condomínios, por exemplo, podemos encontrar os seguintes colégios: Santo Agostinho, Anglo Americano, Sant John, A a Z e Marista São José. Nas suas ruas e avenidas, CEL, PH, Pensi, QI, SMCE, Gama e Souza, Santa Mônica, entre outros.

Além disso, o bairro abriga a sede nacional da Escola Sesc, com um espeço amplo e privilegiado na Avenida Ayrton Senna, no qual recebe crianças do Brasil inteiro, que estudam e moram em alojamentos no local.