Fone: (21) 2042-2955 -  redacao@jornaldabarra.com.br

Pin It

Por Ricardo Queiroz

Oseias Oliveira de Abreu, 44 anos, foi preso nesta terça-feira, dia 31 de outubro, no condomínio Santa Mônica na Barra da Tijuca acusado de estelionato e falsificação de documento particular. Segundo a Polícia Civil, com o estelionatário foram encontrados jóias e uma esmeralda avaliada em R$ 8 milhões de acordo com uma nota fiscal apreendida.

Oseias estava envolvido em mais de 40 registros de ocorrência da Polícia Civil. Ele é suspeito de várias fraudes, que, segundo investigações da Delegacia de Defraudações (DDEF), já causaram prejuízos na casa dos milhões a diversas vítimas no Rio de Janeiro.