Fone: (21) 2042-2955 -  redacao@jornaldabarra.com.br

Pin It

Acusado de estuprar uma menina de 4 anos em agosto de 2018 na Taquara, Jacarepaguá, Eduardo Gonçalves de Souza foi condenado a 20 anos de cadeia. Além de estupro, ele é acusado de lesão corporal grave. Ele pegou a sentença máxima e ainda terá que pagar R$ 500 mil de indenização para a vítima.

Eduardo Gonçalves de Souza teria aproveitado que a mãe da vítima, uma empregada doméstica, havia deixado a criança na casa da patroa em durante a madrugada, cometeu o crime.

A família percebeu algo errado com a criança assim que foi busca-la, pelo fato dela mancar. Após a denúncia, Eduardo fugiu e fico foragido em Vila Velha, no Espirito Santo, mas foi capturado por policiais civis do local.

Uma recompensa no valor de R$ 1.000 chegou a ser oferecida pelo Disque-Denúncia por informações sobre o paradeiro de Eduardo.

A família da vítima recebeu apoio psicológico, jurídico e psiquiátrico de voluntários.