Leonardo Volpato (Folhapress)

A 13ª edição do reality A Fazenda promete ser uma das mais polêmicas até agora na Record. Segundo a apresentadora, Adriane Galisteu, primeira mulher a comandar o programa, a nova leva de aventuras sediadas em Itapecerica da Serra, com início na noite desta terça (14), tem tudo para impactar o público.

Ao todo, 14 nomes em busca do prêmio de R$ 1,5 milhão já foram divulgados. São eles: Nego do Borel, Tati Quebra Barraco, Victor Pecoraro, Mussunzinho, MC Gui, Tiago Piquilo, Liziane Gutierrez, Dayane Mello, Arcrebiano, Valentina Francavilla, Gui Araújo, Fernanda Medrado, Marina Ferrari e Mileide Mihaile (veja mais sobre eles abaixo). Outros nomes devem ser divulgados pelo TikTok até a hora da estreia.

"As expectativas são as melhores possíveis. Fiquei em choque com esse elenco, surpresa. Sou aberta às novidades e estou preparada. Espero o suprassumo do reality", opina Galisteu.
De acordo com o diretor Rodrigo Carelli, o elenco foi escolhido a dedo. "Tentamos descobrir algo por trás daquela personalidade que pode aparecer na temporada. Temos sempre surpresas com comportamento das pessoas", revela.

Na última edição, em 2020, a saúde mental de Raissa Barbosa, que tem síndrome de borderline, foi algo muito comentado. A peoa sofreu na temporada com rompantes de humor e personalidade. Justamente por isso a produção decidiu intensificar esses cuidados.

"Todos eles passam por exames, e nós conversamos com os médicos deles. Já sabemos quem tem questão psicológica ou psiquiátrica e vamos dar todo apoio", emenda Carelli.
Na nova temporada, haverá algumas novidades. A começar pela decoração totalmente repaginada para receber os fazendeiros, com novas cores, elementos cenográficos e objetos de arte. A academia, que antes ficava na área próxima à piscina, agora será instalada dentro da casa.

Além disso, mais de 50 câmeras vão registrar toda a rotina rural dos participantes desta nova temporada. Desse total, mais de 40 delas são robóticas, diminuindo assim o número de operadores e câmeras físicos por conta da pandemia. O público também poderá escolher o melhor ângulo pela plataforma PlayPlus.

"A sede nunca esteve tão bonita. Tem animal novo na área também. Mas quem trará o conteúdo e a tensão serão os participantes. Não vejo a hora de começar. Não vou copiar ninguém, vou encontrar meu tom", reforça Galisteu.

"O meu papel não é ser professora de ninguém, mas conduzir para quem está em casa. Temos que entregar entretenimento. Mas não vou ser tão boazinha assim. Eles sabem que têm que ter regras e punições acontecem", emenda a apresentadora, que se diz fã de A Fazenda desde a primeira edição.

Os ex-parceiros de confinamento Lidi Lisboa e Lucas Selfie serão os apresentadores nas plataformas digitais do reality. A dupla comandará a Cabine de Descompressão e a Live do Eliminado, que mostram os primeiros contatos de quem deixar o jogo com o mundo exterior.

A dinâmica do game continuará igual a outras que o público já viu. Às segundas, vai ao ar a Prova de Fogo para definir quem ganha o lampião e pode mexer na formação da roça. Na terça, há a formação da roça e, na quarta, a Prova do Fazendeiro, que dará a chance de uma das pessoas se salvar da berlinda e ganhar poder.

Na quinta, acontecerá a tradicional eliminação semanal e, na sexta, rolará a festa. Sábado e domingo terão edições voltadas para a convivência dos peões sem nenhuma prova específica.

"Reality é um gênero de programa criado para TV. Pessoas se identificam cada vez com as personalidades das pessoas. Nessa fase de pandemia, então, isso aumenta, pois estão todos confinados", completa Carelli.

ELENCO ESTÁ RECHEADO DE PESSOAS POLÊMICAS

Da lista já confirmada, há nomes bem famosos e polêmicos como Nego do Borel, 29, que é acusado pela ex-namoradora, a modelo Duda Reis, 20, de tê-la agredido. O cantor nega. Em entrevista ao Hoje em Dia da última quinta-feira (9), ele disse que as polêmicas não vão abalá-lo no jogo, já que o reality "dá chance para o país conhecer a pessoa", e cita como exemplo artistas como Biel, Jojo Toddynho e Lipe Ribeiro. Nas redes sociais, Borel é de longe o artista com o maior número de seguidores dentre os participantes já anunciados: 12 milhões.

Arcrebiano Araújo, o Bil, 29, que tem 6,2 milhões de fãs na rede e é o segundo colocado da lista em popularidade, vai participar de seu terceiro reality em um ano. Ele já pode ser visto no BBB 21 e no No Limite, ambos da Globo.

Na sequência, aparece a influenciadora digital e ex-mulher de Wesley Safadão Mileide Mihaile, 32, com 4,1 milhões de seguidores. Os outros quatro participantes já anunciados não chegam a ter 1 milhão de fãs no Instagram.

A modelo e influenciadora Liziane Gutierrez, 35, que chamou muito a atenção neste ano ao ser flagrada em uma festa clandestina em São Paulo e mandar os policiais irem "para a favela", promete muitas tretas na casa. Além dela, a funkeira Tati Quebra Barraco, 41, também já afirmou que será verdadeira, e não vai levar desaforo para casa.

Já o ator Antônio Carlos Bernardes, 28, conhecido como Mussunzinho, estará também simultaneamente na Globo, que reprisa "Malhação: Sonhos" (2014). "Nessa Fazenda quero deixar verdade, alma e coração aberto. Meu público só me conhece por personagens e agora terão a chance de me conhecer mais", disse em sua apresentação.

Por fim, a lista conta ainda com o ator Victor Pecoraro, 43, que fez novelas de sucesso na Record e na Globo, como "Chocolate com Pimenta" (Globo, 2003) e "Os Dez Mandamentos" (Record, 2015), e já esteve na Dança dos Famosos, do Domingão do Faustão (Globo).

Folhapress

A atriz Letitia Wright, 27, precisou ser hospitalizada após sofrer um acidente durante as filmagens da continuação do filme "Pantera Negra" (2018), segundo o site Deadline. A atriz volta a interpretar Shuri, irmã do protagonista, em "Pantera Negra: Wakanda Forever".

De acordo com o site, a atriz estava gravando uma cena noturna em Boston, nos Estados Unidos, e teve ferimentos leves em um incidente que envolveu equipamentos para dublês. "Ela está atualmente recebendo cuidados em um hospital local e deve ter alta em breve", disse um representante da Marvel.

Fontes afirmaram que o incidente não deve atrasar as gravações do filme, previsto para ser lançado em julho de 2022 nos Estados Unidos. Ainda não se sabe como o filme será após a morte do ator Chadwick Boseman (1976 - 2020), que interpretava o rei T'Challa em "Pantera Negra" (2018).

A Marvel confirmou que não irá substituir o ator no papel. Em julho deste ano, a atriz inglesa Michaela Coel, 33, foi confirmada como parte do elenco da sequência. A produção do longa-metragem havia começado em junho, segundo a Variety.

No início de 2021, foi anunciado que o diretor e coroteirista do filme "Pantera Negra", Ryan Coogler, desenvolveria para o serviço de streaming Disney+ uma série televisiva sobre o reino futurístico de Wakanda, onde se passa o filme.

A nova série do serviço de streaming da Disney seria criada como parte de um acordo de cinco anos com a produtora Coogler's Proximity Media, afirmou a Walt Disney, em nota. Não foi anunciada uma data de lançamento.

O filme "Pantera Negra", primeiro dos estúdios da Marvel com um diretor e elenco predominante negros, arrecadou US$ 1,3 bilhão em bilheterias por todo mundo e conquistou uma indicação para melhor filme na premiação do Oscar.

Redação

A Coordenadoria Executiva da Diversidade Sexual da Prefeitura do Rio, vinculada à Secretaria Municipal de Governo e Integridade Pública, realiza nesta quinta-feira (26), às 19h15, a live “Cultura e Visibilidade Lésbica”, em homenagem ao Dia da Visibilidade Lésbica, celebrado em 29 de agosto. O bate-papo terá a presença da cantora Zélia Duncan e da subsecretária municipal de Cultura, Ericka Gavinho.

A live será transmitida ao vivo pelo Instagram da CEDS (@cedsrio), e mediada por Adriana Zonis, produtora de eventos e chefe de gabinete da Coordenadoria.

– No Dia da Visibilidade, homenageamos várias militantes que dedicaram e dedicam suas vidas para que a comunidade lésbica tenha seus direitos assegurados. Não podemos esquecer do forte papel da cultura nesse processo. Ouvir essas mulheres é entender os caminhos que elas percorreram até aqui e o que ainda falta conquistar – ressalta o coordenador executivo da Diversidade Sexual, Carlos Tufvesson.

Folhapress

Charlie Watts, baterista dos Rolling Stones, morreu nesta terça-feira (24), aos 80 anos de idade, em um hospital em Londres, no Reino Unido. A informação foi divulgada por seu assessor de imprensa, que não informou o motivo da morte. No início do mês, o músico precisou passar por uma cirurgia de emergência, mas só divulgou se tratar de uma "questão médica não especificada".

Em 2004, Charlie Watts fez o tratamento para um câncer de garganta.

"É com imensa tristeza que anunciamos a morte do nosso amado Charlie Watts. Ele faleceu de forma serena hoje mais cedo num hospital em Londres, cercado por sua família", diz o comunicado enviado pelo assessor à imprensa britânica.

"Charlie foi um marido, pai e avô querido e também um membro dos Rolling Stones, um dos maiores bateristas de sua geração. Gentilmente pedimos que a privacidade de sua família, colegas de banda e amigos próximos seja respeitada neste momento difícil."

Redação

A Prefeitura do Rio, por meio da Riotur, lançou na sexta-feira, dia 20 de agosto, o Caderno de Encargos dos Desfiles dos Blocos de Rua. Empresas interessadas em serem parceiras do evento terão um mês para apresentar suas propostas. Essa é mais uma etapa do processo de planejamento da cidade para o Carnaval de 2022, desde que o cenário epidemiológico da pandemia da Covid-19 e as determinações dos órgãos competentes no combate à doença sejam favoráveis à realização da festa. 

O Caderno de Encargos é uma orientação para as empresas que pretendam apresentar propostas de produção e implementação de infraestrutura de suporte aos desfiles dos blocos de rua para o Carnaval do Rio 2022 e para as áreas de entorno onde acontecerão os cortejos, de acordo com o projeto e cronograma aprovados pela Riotur. Ao todo, serão 40 dias de festa, que compreendem os períodos antes, durante e pós-Carnaval, entre os dias 27 de janeiro e 06 de março. Toda a programação estará disponível num site criado especialmente para os blocos de rua, em português, inglês e espanhol.

O documento publicado na edição de sexta-feira (20/08) no Diário Oficial da Prefeitura do Rio também está disponível no site da Riotur, na aba Editais e Avisos. Os interessados devem apresentar suas propostas até o dia 21 de setembro para o e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.. Ainda em setembro, o vencedor — ou os vencedores — será conhecido. 

Em toda a cidade serão espalhados 34 mil banheiros químicos, 10% deles acessíveis a pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, conforme determina a Lei Federal 10.098/2000. A acessibilidade também estará presente no aplicativo que será criado com toda a programação do Carnaval do Rio 2022, de maneira a atender diferentes necessidades, com recursos como Libras, descrição de imagens e conversor de conteúdo escrito para áudio, entre outros. A ação é uma parceria da Riotur com a Secretaria Municipal de Pessoa com Deficiência (SMPD). 

Além disso, QR Codes com informações que possam ajudar mulheres vítimas de assédio ou qualquer tipo de violência serão distribuídos aos foliões, assim como tatuagens temporárias e adesivos com o tema da campanha de combate ao assédio. A ação é uma iniciativa da Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Mulher (SPM-RIO) em parceria com a Riotur. 

– Estamos trabalhando para o Carnaval de 2022 e estaremos preparados caso a festa seja possível. Planejamento é fundamental para que esta, que é a maior festa da cidade do Rio de Janeiro, saia com perfeição. Por isso estamos lançando este caderno com a maior antecedência possível. Sempre balizados pela orientação da Saúde – enfatiza a presidente da Riotur, Daniela Maia.